Dos excessos da publicidade até filmes em HDR

Na semana passada, muita coisa interessante pela rede. A partir deste post do Ben Kay, fiquei com muita vontade de conversar sobre a mania que muitas agências e publicitários têm de criar oito mil versões de uma ideia, o que é, em muitíssimos casos, apenas para perder tempo, porque é a prova da falta de foco. Em muitos outros casos, inclusive no post que ele postou logo depois, também é uma maneira de alcançar as melhores ideias.

Não sei se uma ideia como o iButterfly sairia de uma lista de 50 ideias. O que vocês acham?

Um jogo para iPhone que é, ao mesmo tempo, realidade aumentada, jogo e promoção. Praticamente todos os briefings que eu recebi no curso da Complot, ao mesmo tempo. Achei maravilhoso, mas é coisa de japonês.

Outra maneira legal que a tecnologia poderia ser usada pra melhorar a vida da gente seria o Future of Music, um programa experimental no qual um algoritmo indicaria as melhores bandas e músicas para você APAGAR e deixar de vez de escutar e ficar skipping o tempo todo. Queria muito que já estivesse pronto pra baixar e testar.

Mas falando em programas, a grande novidade da semana foi o sistema de busca instantânea do Google, o Google Instant, que parece o sistema de buscas nativo do MacOSX. Achei legal, e só. Mas a dúvida de como vai funcionar e o que vai mudar em universos como o de SEO, ainda tá pra se adivinhar.

Porém, deixando de falar do Google, vi também um artigo super-interessante sobre os verdadeiros donos da internet, que prova que eles são, além de tudo, artistas modernos. Sim, estou falando daqueles que não podem ser nomeados.

Os donos da internet

Eles, com certeza, viram este gráfico para comemorar os 25 anos de Mario Bros, e também o vídeo em HDR, feito com DUAS câmeras Canon 5D MarkII (eu já morreria feliz tendo uma só).

HDR Video Demonstration Using Two Canon 5D mark II’s from Soviet Montage on Vimeo.

0 Comments on “Dos excessos da publicidade até filmes em HDR”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.