A primeira coisa que eu comprei nos EUA foi um corta-unhas.

Quatro anos atrás, um dia antes do Miami Heat ganhar a NBA em casa, eu cheguei a Miami com duas malas, um laptop e uma guitarra acústica. O laptop morreu dois meses depois (um herói, viveu loucas aventuras e deu tudo de si) e a guitarra está aí, também velha de guerra, pronta para voltar para a Europa onde foi comprada.

Lembro do calor desgraçado, da completa desorientação que me impedia de saber pra onde ia, do (con)fuso horário e de uma curiosidade que queria me fazer sair do hotel, mas que virava arrependimento quando eu notava que Junho na Flórida é bem Flórida.

Eu tinha dois dias do fim de semana para descansar, e bater o ponto pela primeira vez na segunda-feira. Então, foi que eu notei que as minhas malas não tinham tudo o que era necessário para sobreviver. Faltavam itens básicos, que a gente leva em toda viagem, mas não se preocupa em nenhuma mudança, principalmente nas que custa caro transportar qualquer coisa: um corta-unhas, escova e pasta de dentes. Eu não tinha um necessaire básico, nada.

No hotel, que não era a oitava maravilha do mundo, mas também não era tao nojento assim, havia uma escova de plástico dessas que aguentam um fim de semana, e também pasta. Mas eu, criatura noiada que sou, me sentia mal teclando com as unhas mais compridas, uma mistura de agonia com desespero que só acabou quando, depois de procurar no Google Maps, eu descobri um Walgreens próximo e consegui encontrar o trocinho. Lembro que custou caro, de ter ficado com a impressao que: a) ou os EUA sao caros pra cacete (que sao); ou b) Walgreens não é o melhor lugar pra comprar coisinhas pequenas feitas na China (que não é); ou c) que eu poderia comprar mais barato em algum outro lugar.

Mas a paranoia não deixou, e eu terminei comprando um corta-unhas com uma borrachinha verde. Era resistente e dava conta do recado.

Até hoje. Por uma razão esquisita do destino, hoje o corta-unhas resolveu se quebrar nas minhas mãos. Virou dois pedaços inúteis de metal.

Daqui a três semanas eu vou embora dos EUA, de mala e cuia.

Preciso comprar outro corta-unhas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.