Grãozinho de areia

Queria ser dessas pessoas que, todo dia, constroem algo. Plantar um livro, tijolo por tijolo. Escrever uma música, grito a grito. Criar uma amizade, beijo a beijo. Continuar a viagem, passo a passo. Sem ter pressa de terminar, como uma novela sem fim.

E a gente explode

Crônica de briga anunciada. As gotas vão acumulando nas nuvens, até que chove sem razão.

Ainda no bosque

Ou você entra inspirada, ou você entra pra se inspirar. Entre no bosque com o coração vazio e a alma desarmada, que a inspiração pode te preencher. E aí você vai voltar a sorrir sorrisos maiores que as suas cores. E dormir no mato, coberta de estrelas.

Mashup

Ela, cansada de todos os homens que não querem namoro sério, vai desabafar e tentar escutar alguma palavra de compaixão. O cínico responde: “Qual é a vantagem de namorar você?” E Freud entra no diálogo. “Me ter, óbvio.”

Higher, faster, stronger, later

Ritmo me fascina. É necessário haver uma repetição, um período, para existir, senão vira caos. Mas, ao mesmo tempo, é preciso sair dele, atrasar e adiantar, senão vira drum machine, tic-tac de relógio. O coração tem ritmo porque acelera e diminui. Por coincidência, quando você vem e vai.

Ressaca

Ressaca de álcool dura só um dia. Mas o porre tambem. A ressaca do amor te destrói por muito mais tempo. Mas o porre dura mais.

Relendo

Se ler textos antigos causasse arrependimento, Pelo bem da humanidade, Apaguem o twitter antes que os jovens cresçam.

Retrato 3×4

Quantas histórias O seu rosto é capaz de contar?

a rede social secreta

E se existisse um site onde só estivessem pessoas interessadas no que te interessa? Incluindo as coisas que você ainda não sabe que te interessam? Tipo, nunca aparecesse nada desagradável, idiota, sem graça, propaganda enganosa, chulé, nada disso? (mentira. acho que nunca vi nada que incluísse a palavra chulé e não fosse, no mínimo, intrigante). E se existisse algo assim, …